COMPARTILHAR

A Secretaria de Segurança com Cidadania (Semusc), através da Superintendência de Defesa Civil Municipal (Sudec), iniciou nesta segunda-feira (19) trabalho de prevenção, com prioridade para a atualização do mapeamento das áreas de risco em São Luís. A Defesa Civil Municipal atuará a partir dos 67 pontos de risco já conhecidos e identificará novos pontos, se houver.

De acordo com a Superintendente da Sudec, Elitânia Barros, no período de 90 dias será feita uma análise minuciosa dessas áreas. Para a Defesa Civil, os pontos de encostas com pessoas morando, tanto na parte superior quando na inferior, são considerados de alto risco.

“No eixo Itaqui-Bacanga estão concentrados mais pontos de risco. Lá estão concentrados 21 pontos de deslizamentos. E os outros ficam localizados nos Bairros do Coroadinho, Salina do Sacavém, Túnel do Sacavém, Vila Lobão, Anil, São Raimundo, entre outros”, listou Elitânia Barros.